• Histórico
  • Quadros

Pesquisa Nacional de Saneamento Básico

Pesquisa Nacional de Saneamento Básico 2000

Introdução

O primeiro levantamento nacional sobre saneamento básico no Brasil foi realizado em 1974, através de convênio celebrado entre o Ministério da Saúde e o IBGE, cabendo ao IBGE somente a responsabilidade pela operação de coleta. Em 1977, com a renovação do convênio, nova investigação foi realizada e o IBGE passou a se responsabilizar por todas as etapas da pesquisa (planejamento, coleta e apuração dos dados) e definiu-se uma periodicidade trienal para a investigação . Em 1980 e 1983 a pesquisa não foi realizada. Em 1988, aconteceu uma profunda reformulação para a coleta no ano seguinte (1989), em que foram consideradas as experiências anteriores e contemplaram-se sugestões de entidades públicas e privadas prestadoras de serviços, pesquisadores, instituições de pesquisas, entidades representativas do setor e informantes.

Em 1999, o IBGE celebrou novo convênio e, com o apoio da Secretaria Especial de Desenvolvimento Urbano da Presidência da República – SEDU/PR, a Fundação Nacional de Saúde – FUNASA e a Caixa Econômica Federal - CAIXA, realizou, no primeiro semestre de 2000, a Pesquisa Nacional de Saneamento Básico/2000 – PNSB, que contou, também, com a colaboração da Organização Pan-americana de Saúde – OPAS para o planejamento e execução da pesquisa.

A PNSB/2000 foi mais abrangente, incorporando novas variáveis e um novo tema, Drenagem Urbana, ao temas já pesquisados em 1989: Abastecimento de Água, Esgotamento Sanitário e Limpeza Urbana e Coleta de Lixo. A reformulação foi feita a partir da experiência adquirida com a PNSB/89, objetivando atender a maioria das demandas feitas por órgãos e técnicos envolvidos com o tema da pesquisa, face às transformações ocorridas no setor ao longo dos anos, e procurando preencher lacunas verificadas na pesquisa anterior.

Objetivo

Investigar as condições de saneamento básico de todos os municípios brasileiros, através da atuação dos órgãos públicos e empresas privadas, permitindo uma avaliação sobre a oferta e a qualidade dos serviços prestados, além de possibilitar análises das condições ambientais e suas implicações diretas com a saúde e a qualidade de vida da população.

Abrangência Geográfica

A Pesquisa Nacional de Saneamento Básico - PNSB teve abrangência nacional, sendo implantada em todos os 5.507 municípios das 27 Unidades da Federação, e seus dados foram coletados conforme abaixo:

Abastecimento de Água – os dados foram coletados por distrito;

Esgotamento Sanitário – os dados foram coletados por distrito;

Manejo de Resíduos Sólidos – os dados foram coletados por município;

Manejo de Águas Pluviais – os dados coletados foram por município.

Data de Referência

A data de referência da PNSB/2000 foi o dia da entrevista, exceto em:

Abastecimento de Água, Esgotamento Sanitário e Limpeza Urbana e Coleta de Lixo - a variável que investiga a relação entre a entidade prestadora do serviço e a comunidade servida, refere-se aos doze meses anteriores à data da entrevista;

Drenagem Urbana - somente as variáveis que investigam informações sobre inundações, enchentes e erosões, referem-se aos últimos dois anos anteriores à data da entrevista.

Referência Básicas

O número de informantes da pesquisa foi definido pelo número de unidades prestadoras de serviços de saneamento básico em cada município brasileiro, públicas ou privadas. Assim, um município com serviços de abastecimento de água, limpeza urbana e coleta de lixo, esgotamento sanitário e drenagem urbana poderá ter vários informantes para a PNSB. Nesse sentido, o primeiro contato do IBGE com o Município foi sempre a Prefeitura Municipal.

Coleta das Informações

A coleta realizada pelo IBGE deu-se ao longo de três meses e teve o ano de 2000 como ano base de referência. A pesquisa foi dividida em quatro questionários: Abastecimento de Água (AA), Esgotamento Sanitário (ES), Drenagem Urbana (DU) e Limpeza Urbana e Coleta de Lixo (LC).

Os questionários foram subdivididos em três áreas de investigação:

A primeira, comum a todos os questionários, identifica as entidades prestadoras dos serviços, sua constituição jurídica e áreas de atuação;

A segunda investiga a natureza dos serviços prestados e o controle de qualidade exercido pelas entidades no abastecimento de água, esgotamento sanitário, drenagem urbana e limpeza urbana e coleta de lixo;

Finalmente, a terceira parte dos três questionários pesquisa a relação entre as entidades prestadoras de serviços e a comunidade.

Além dos quatro questionários foi aplicado o formulário sobre o tema de Levantamento Municipal dos Serviços de Saneamento Básico/LMSB, que teve como objetivo levantar dados sobre a situação dos serviços de saneamento básico nos distritos.

Metodologia

O formulário Levantamento Municipal dos Serviços de Saneamento Básico/LMSB investigou a existência de rede geral de abastecimento de água, esgotamento sanitário, drenagem urbana e limpeza urbana e coleta de lixo. Em município onde não existia o serviço de rede geral de abastecimento de água e/ou rede coletora de esgoto foi investigado junto às prefeituras a principal solução alternativa adotada para atender à maioria da população do distrito.

A pesquisa sobre Abastecimento de Água levantou, além dos dados cadastrais das diversas entidades prestadoras de serviços de saneamento básico, informações sobre:

Abastecimento de água no distrito;

Captação de água;

Tratamento de água;

Fluoretação adicionada;

Rede de distribuição da água;

Dados gerais;

Pessoal ocupado;

Relação entre a entidade e a comunidade nos últimos doze meses.

A pesquisa sobre Esgotamento Sanitário levantou, além dos dados cadastrais das diversas entidades prestadoras de serviços de saneamento básico, informações sobre:

Esgotamento sanitário no distrito;

Coleta do esgoto sanitário;

Tratamento do esgoto;

Sistema de esgotamento sanitário;

Número de ligações de esgotos sanitários;

Número de economias esgotadas;

Dados gerais;

Pessoal ocupado;

Relação entre a entidade e a comunidade.

A pesquisa sobre Manejo de Águas Pluviais levantou, além dos dados cadastrais das diversas entidades prestadoras de serviços de saneamento básico, informações sobre:

Situação do serviço de drenagem urbana no município;

Sistema de drenagem urbana;

Sistema de drenagem especial;

Pessoal ocupado.

A pesquisa sobre Manejo de Resíduos Sólidos levantou, além dos dados cadastrais das diversas entidades prestadoras destes serviços, informações sobre:

Situação dos serviços de limpeza urbana e/ou coleta de lixo;

Prestador dos serviços;

Sistema de coleta, varrição e capina no distrito sede;

Destino e quantidade do lixo coletado;

Estação de transferência;

Coleta e destino final do lixo especial;

Distritos atendidos pelos serviços de limpeza urbana e/ou coleta de lixo;

Catadores de lixo em unidades de destino final;

Veículos e equipamentos;

Pessoal ocupado;

Coleta seletiva;

Relação entre a entidade e a comunidade.

Estabelecimentos que Foram Objetivo da Pesquisa

Considerou-se como estabelecimento objeto da pesquisa as empresas, órgãos públicos ou privados, que prestam serviços de saneamento básico para atendimento à população de cada município, tais como:

Companhias estaduais e/ou municipais de saneamento básico;

Fundações;

Consórcios intermunicipais;

Empresas privadas de saneamento básico; e

Associações comunitárias.

Notas Metodológicas

Os questionários da pesquisa foram aplicados pela rede de coleta do IBGE junto a todas as entidades públicas e privadas do país que prestam serviços no setor de saneamento básico.

Na avaliação dos resultados da PNSB/2000 devem ser observados alguns procedimentos que foram utilizados na aplicação dos questionários:

Rede geral de distribuição de água - considerou-se que o município tivesse rede geral de distribuição de água quando esta atendesse a pelo menos um distrito, ou parte dele, independentemente da extensão da rede, números de ligações ou de economias abastecidas;

Rede coletora de esgoto - considerou-se que o município tivesse rede coletora de esgoto quando esta atendesse a pelo menos um distrito, ou parte dele, independente da extensão da rede, números de ligações ou de economias esgotadas;

Principal solução alternativa - considerou-se como principal solução alternativa quando esta atendesse à maioria da população do distrito;

Limpeza urbana e coleta de lixo - considerou-se que o município tivesse serviços de limpeza urbana e/ou coleta de lixo quando estes serviços existissem em pelo menos um distrito, ou parte dele, independente da cobertura e frequência do serviço;

Drenagem urbana - considerou-se que o município tivesse serviços de drenagem urbana quando estes serviços existissem em pelo menos um distrito, ou parte dele, independente da extensão da rede de drenagem

Levantamento Municipal dos Serviços de Saneamento Básico:

NúmeroNomePeríodoTerritório
1238Número de municípios, total e com algum serviço de saneamento básico, por tipo de serviço2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1239Número de municípios, total e sem rede geral de abastecimento de água, por principal solução alternativa para o abastecimento de água2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1240Número de municípios, total e sem rede coletora de esgoto, por principal solução alternativa para o esgotamento sanitário2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1241Número de municípios, total e os com manejo de resíduos sólidos, por situação da coleta seletiva no município2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1758Número de municípios e de distritos, total e os com algum serviço de saneamento básico, por tipo de serviço2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1759Número de municípios e de distritos, total e os sem rede geral de abastecimento de água, por principal solução alternativa2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1804Número de municípios e de distritos, total e os sem rede coletora de esgoto, por principal solução alternativa2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
Voltar ao Topo

Abastecimento de Água:

NúmeroNomePeríodoTerritório
1364Número de municípios, total e os com serviço de abastecimento de água, por tipo de tratamento da água2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1368Número de municípios, total e os com rede de distribuição de água, por parte do sistema onde estâo sendo feitas as ampliações ou melhorias2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1756Número de distritos, total e os com serviço de abastecimento de água, por tipo de captação2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1760Número de distritos, total, abastecidos e os com tratamento de água, por tipo de tratamento2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1766Número de distritos, total e os com serviço de abastecimento de água, por tipo de constituição jurídica das entidades prestadoras de serviço2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1768Número de distritos, total e os com serviço de abastecimento de água, por esfera administrativa das entidades prestadoras de serviço2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1769Número de distritos, total e os com captação de água, por existência e tipo de poluição ou contaminação na captação2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1770Número de distritos, total e os com captação de água, por existência e forma de proteção na captação2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1772Número de distritos com captação superficial de água por existência e tipo de análise realizada na água2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1773Volume de água tratada distribuída por dia, total e com existência de tratamento, por tipo de tratamento2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1774Número de economias abastecidas2000BR, GR, UF, RS, RD, AI, MU
1775Número de ligações de água2000BR, GR, UF, RS, RD, AI, MU
1776Extensão da rede distribuidora de água2000BR, GR, UF, RS, RD, AI, MU
1777Número de estações de tratamento2000BR, GR, UF, RS, RD, AI, MU
1778Número de distritos com controle de qualidade, cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento realizam análise na água bruta, por tipo e frequência da análise2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1780Número de distritos com controle de qualidade, cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento realizam análise na água tratada, por tipo e frequência da análise2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1781Número de distritos, total e os cuja água tratada passa por processo de coagulação química, por destino do lodo gerado2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1782Número de distritos, total e os com serviço de abastecimento de água, por existência e motivo do racionamento2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1784Número de distritos, total e os com racionamento de água, por periodicidade do racionamento2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1785Número de distritos cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento realizam coleta de amostra para análise na rede de distribuição, por tipo e frequência da análise2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1786Número de distritos abastecidos, por realização da vigilância da qualidade da água pela Secretaria Estadual de Saúde2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1787Número de distritos abastecidos, por cobrança pelo serviço de abastecimento de água2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, MU, AI
1788Número de distritos cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento de água estabelecem tarifa mínima para consumo, por faixa de volume de consumo2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1789Número de distritos cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento de água realizam programa de controle de perdas de água, por tipo de controle2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1790Número de distritos cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento de água realizam programa de controle de perdas de faturamento, por percentual de perdas faturadas2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1791Número de distritos abastecidos, total os com macromedidores, por existência e localização dos macromedidores2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1792Número de distritos abastecidos, por existência de fluor na água distribuída2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1793Número de distritos abastecidos cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento de água adicionam fluor na água, por tipo de composto utilizado2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1794Número de distritos abastecidos cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento de água adicionam fluor na água, por tempo de existência de fluoretação2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1795Número de distritos abastecidos cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento de água adicionam fluor na água, total e os que sofreram interrupção da fluoretação, por existência e tempo de interrupção da fluoretação2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1796Número de distritos abastecidos com água fluoretada, total e com pontos de controle ou monitoramento da fluoretação, por existência e localização de pontos de controle ou monitoramento da fluoretação2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1797Número de distritos abastecidos com água fluoretada cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento de água realizam controle ou monitoramento da fluoretação, por frequência da análise da concentração de fluor2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1798Número de distritos abastecidos com água fluoretada cujas entidades prestadoras de serviço de abastecimento de água realizam controle ou monitoramento da fluoretação, por concentração de fluor2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1800Número de distritos com rede de distribuição de água, por parte do sistema onde estâo sendo feitas as ampliações ou melhorias2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1801Número de distritos com serviço de abastecimento de água, por existência de serviço de atendimento ao público2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
Voltar ao Topo

Esgotamento Sanitário:

NúmeroNomePeríodoTerritório
1354Número de municípios, total e os com coleta de esgoto sanitário, por tipo de rede coletora2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1356Número de municípios com coleta de esgoto sanitário, total e os com tratamento, por tipos de corpos receptores2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1358Número de municípios, total e os com coleta de esgoto sanitário, por parte do sistema de esgotamento sanitário onde estão sendo feitas ampliações ou melhorias2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1806Número de distritos com coleta de esgoto sanitário, por tipo de constituição jurídica das entidades prestadoras de serviço de esgotamento sanitário2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1808Número de distritos com coleta de esgoto sanitário, por esfera administrativa das entidades prestadoras de serviço de esgotamento sanitário2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1812Número de distritos, total e os com coleta de esgoto sanitário, por tipo de rede coletora2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1813Número de municípios e distritos com coleta de esgoto sanitário, total e os com tratamento, por tipo de corpos receptores2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1814Número de municípios e distritos com coleta de esgoto sanitário, total e os sem tratamento, por tipo de corpos receptores2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1815Número de distritos, total e os com tratamento de esgoto sanitário, por tipo de sistema de tratamento2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1816Número de distritos com tratamento de esgoto sanitário, por existência e tipo de tratamento complementar2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1817Número de distritos com tratamento de esgoto sanitário, por existência e tipo de tratamento do lodo2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1820Número de distritos, total e os com coleta de esgoto sanitário e Número de ligações de esgoto2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1824Número de distritos, total e os com coleta de esgoto sanitário e Número de economias esgotadas2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1825Volume de esgoto coletado e tratado por dia2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1826Extensão da rede coletora2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1827Número de distritos, total, com coleta de esgoto sanitário e que utilizam emissário para lançamento, por tipo de corpos receptores2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1828Número de distritos com coleta de esgoto sanitário, total e os que possuem interceptores, por existência e número de interceptores2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1829Extensão total dos interceptores2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1830Número de distritos com coleta de esgoto sanitário, total e os com uso a jusante dos principais corpos receptores do esgoto sanitário, por tipo de uso dos corpos receptores2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1831Número de distritos com tratamento de esgoto sanitário, por destino do lodo gerado2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1832Número de distritos com coleta de esgoto sanitário, total e os com cobrança do serviço, por existência e cobrança do serviço2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1833Número de distritos com cobrança do serviço de esgotamento sanitário proporcional ao valor da conta de água, por percentual da tarifa cobrada2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1834Número de municípios e distritos com coleta de esgoto sanitário, por parte do sistema de esgotamento sanitário onde estão sendo feitas ampliações ou melhorias2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1835Pessoal ocupado no serviço de esgotamento sanitário2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
1836Pessoal ocupado exclusivamente no serviço de abastecimento de água ou nos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário, por alocação do pessoal2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
1837Número de distritos com coleta de esgoto sanitário, total e os com serviço de atendimento ao público, por existência e tipo de serviço de atendimento ao público2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
Voltar ao Topo

Manejo de Águas Pluviais:

NúmeroNomePeríodoTerritório
2222Número de entidades prestadoras de serviços de manejo de águas pluviais, por tipo de natureza jurídica2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2223Número de entidades prestadoras de serviços de manejo de águas pluviais, por esfera administrativa2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2224Pessoal ocupado no serviço de manejo de águas pluviais, por alocação do pessoal2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2225Número de municípios, total e os com serviços de manejo de águas pluviais, por vínculo de secretaria ou setor2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2226Número de municípios, total e os com serviços de manejo de águas pluviais, por existência de legislação municipal que exige a aprovação e implantação de sistema de drenagem pluvial para loteamentos novos e/ou populares2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2227Número de municípios, total e os que possuem instrumentos reguladores do serviço de manejo de águas pluviais, por tipo de instrumento2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2228Número de municípios, total e os com serviço de manejo de águas pluviais, por percentual do orçamento destinado à drenagem urbana2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2229Número de municípios que concedem a gerência do serviço de manejo de águas pluviais à empreiteiras e Número de empreiteiras que atendem a estes municípios2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2230Número de municípios, total e os com serviço de drenagem urbana subterrâneo, por tipo de rede coletora2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2231Número de municípios, total e os com serviço de drenagem subterrâneo, por tipo de rede2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2238Extensão da rede de drenagem urbana, por tipo de rede2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2239Número de municípios, total e os com serviço de manejo de águas pluviais, por pontos de lançamento do efluente2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2240Número de municípios, total e os que possuem bacias de detenção ou amortecimento, por número de bacias2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2241Número de municípios, total e os com serviço de manejo de águas pluviais, por existência de assoreamento da rede de drenagem2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2242Número de municípios, total e os com serviço de manejo de águas pluviais, cujas entidades dispõem de informações pluviométricas/metereológicas, por utilização das informações2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2243Número de municípios, total e os com serviço de manejo de águas pluviais, cujas entidades realizam manutenção no sistema, por tipo de atividade desenvolvida na manutenção2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2244Número de municípios, total e os com serviço de manejo de águas pluviais, por pontos de estrangulamento que resultam em inundações2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2245Número de municípios, total e os que sofreram inundações ou enchentes nos últimos cinco anos, por fatores agravantes2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, MU, AI
2246Número de municípios, total e os que sofreram inundações ou enchentes nos últimos dois anos e Extensão das áreas onde ocorreram inundações ou enchentes2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2247Número de municípios, total e os que apresentam problemas de erosão que afetam o sistema de drenagem urbana, por fatores agravantes de erosão2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2248Número de municípios, total e os que apresentam problemas de erosão que afetam o sistema de drenagem urbana e Extensão das áreas afetadas pela erosão2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2251Número de municípios, total e os que possuem encostas no perímetro urbano, por tipo de situação das encostas2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2252Número de municípios, total e os que possuem áreas de risco no perímetro urbano que demandam drenagem especial, por tipo de área de risco2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2253Número de municípios, total e os que possuem ruas pavimentadas no perímetro urbano, por tipo de sistema de drenagem urbana2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2254Número de municípios, total e os que possuem ruas pavimentadas no perímetro urbano, por percentual de ruas pavimentadas2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2255Número de municípios, total e os que possuem ruas pavimentadas no perímetro urbano, por percentual de ruas pavimentadas sem drenagem2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2256Número de municípios, total e os que possuem sistema de drenagem subterrâneo nas ruas pavimentadas, por percentual de ruas pavimentadas com drenagem subterrâneo2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2257Número de municípios, total e os que possuem sistema de drenagem superficial nas ruas pavimentadas, por percentual de ruas pavimentadas com drenagem superficial2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2258Número de municípios, total e os que tiveram problemas de erosão no perímetro urbano nos últimos dois anos, por tipo de erosão2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, MU, AI
Voltar ao Topo

Manejo de Resíduos Sólidos:

NúmeroNomePeríodoTerritório
1353Número de municípios, total e os com serviços de manejo de resíduos sólidos, por existência de coleta seletiva2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2277Número de entidades prestadoras de serviços de manejo de resíduos sólidos, por natureza jurídica das entidades prestadoras de serviço2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2278Número de entidades prestadoras de serviços de manejo de resíduos sólidos, por esfera administrativa2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2279Número de entidades prestadoras de serviços de manejo de resíduos sólidos, por forma de atuação da entidade2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2280Número de entidades prestadoras de serviços de manejo de resíduos sólidos, por função da entidade prestadora dos serviços2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2281Número de municípios, total e os com serviços de manejo de resíduos sólidos, por forma de execução dos serviços2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2282Número de municípios com serviços de manejo de resíduos sólidos, total e os que contratam empresas particulares e Número de empresas particulares contratadas2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2283Número de municípios com serviços de manejo de resíduos sólidos, por percentual do orçamento destinado aos serviços de limpeza urbana e/ou coleta de lixo2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2297Número de municípios com serviços de manejo de resíduos sólidos, total e os com cobrança dos serviços, por existência e forma de cobrança dos serviços2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2298Número de municípios com serviços de manejo de resíduos sólidos, por percentual de domicílios com lixo coletado2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2299Número de municípios com serviços de manejo de resíduos sólidos, por percentual do orçamento gasto com pessoal ocupado nos serviços2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2300Número de municípios com serviços de manejo de resíduos sólidos, por controle da disposição do lixo industrial2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2301Número de municípios, total e os com serviços de manejo de resíduos sólidos, por natureza dos serviços2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2306Número de distritos-sede com serviços de coleta de lixo, por tipo de serviço de coleta e frequência da coleta2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2307Número de distritos-sede com sistema de varrição e capina das vias públicas, por forma de execução de varrição e/ou capina2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2331Número de distritos com serviços de manejo de resíduos sólidos, por unidades de destinação final do lixo coletado2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2332Quantidade diária de lixo coletado, por unidade de destinação final do lixo coletado2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2333Número de municipios, total e os que utilizam estação de transferência e Quantidade de lixo transferido2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2334Número de municípios que coletam e/ou recebem resíduos sólidos de serviços de saúde sépticos, por forma de disposição no solo2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, MU, AI
2335Número de municípios que coletam e/ou recebem resíduos sólidos de serviços de saúde sépticos, por existência e tipo de processamento dos resíduos sólidos de serviços de saúde sépticos2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, MU, AI
2336Número de municípios que coletam e/ou recebem resíduos sólidos de serviços de saúde sépticos e Quantidade coletada de residuos sólidos de serviços de saúde sépticos2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2337Número de municípios que coletam e/ou recebem resíduos sólidos de serviços de saúde sépticos, por frequência da coleta2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2338Número de municípios que coletam e/ou recebem resíduos sólidos industriais perigosos e/ou não-inertes, por destinação dos resíduos2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2339Número de municípios que coletam e/ou recebem resíduos sólidos industriais perigosos e/ou não-inertes e Quantidade coletada de resíduos sólidos industriais perigosos e/ou não-inertes2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2340Número de municípios que coletam e/ou recebem resíduos sólidos industriais perigosos e/ou não-inertes, por frequência da coleta2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2346Número de municípios com serviço de coleta de lixo, por existência de área no município para a disposição final dos resíduos2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2347Número de municípios com serviço de coleta de lixo, que possuem áreas para disposição final dos resíduos, por propriedade das áreas utilizadas2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2348Número de municípios com serviço de coleta de lixo, que possuem áreas para disposição final dos resíduos, por localização do destino do lixo2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2349Número de municípios com serviço de coleta de lixo, que possuem áreas para disposição final dos resíduos e Quantidade de lixo recebido de outro município2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2350Número de municípios com serviço de coleta de lixo, que possuem áreas para disposição final dos resíduos, por existência de recebimento de lixo de outro município2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2351Número de municípios com serviços de manejo de resíduos sólidos, por existência de catadores nas unidades de destinação final do lixo2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2353Número de catadores de lixo nas unidades de destinação final do lixo, por grupos de idade2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2354Número de municípios que têm conhecimento da existência de catadores nas unidades de destinação final do lixo, total e os que desenvolvem trabalho social com os catadores, por existência e tipo de trabalho desenvolvido com os catadores2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2355Número de municípios com serviços de manejo de resíduos sólidos, por existência de residências nas unidades de destinação final do lixo2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2356Número de pessoas que residem nos lixões, por grupos de idade2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2358Número de municípios com serviço de coleta de lixo seletiva interrompida, por motivo da interrupção2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2359Número de entidades, total e as que participaram de algum projeto de coleta de lixo seletiva no município, por tipo de participação no projeto2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2361Número de municípios com serviço de coleta de lixo seletiva, por tipo de material recuperado2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2362Número de municípios com serviço de coleta de lixo seletiva, por destinação do material coletado2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, MU, AI
2363Número de municípios com serviço de coleta de lixo seletiva, por principal receptor da coleta seletiva2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2364Número de municípios com serviço de coleta seletiva, por área de abrangência2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2365Número de municípios com serviço de coleta de lixo seletiva, Número estimado de residências e Quantidade de lixo coletado2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2366Número de veículos e equipamentos utilizados nos serviços de manejo de resíduos sólidos, por tipo de veículos e equipamentos2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2367Pessoal ocupado nos serviços de manejo de resíduos sólidos, por indicação do serviço executado2000, 2008BR, GR, UF, RM, RS, RD, AI, MU
2368Número de entidades prestadoras de serviços de manejo de resíduos sólidos, total e as que oferecem equipamentos de proteção individual, por tipo de equipamento2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
2369Número de municípios com serviços de manejo de resíduos sólidos, por existência de serviço de atendimento ao público2000BR, GR, UF, RS, RD, MU
Voltar ao Topo