Pesquisa Trimestral do Abate de Animais - 4º trimestre 2016

Dados divulgados na quarta-feira, 15 de março de 2017 - 09:00:00
Abate - Número de informantes, quantidade de animais abatidos e peso total das carcaças, por tipo de rebanho, segundo as Unidades da Federação
4º trimestre 2016
Brasil e Unidades da FederaçãoBovinosSuínosFrangos
Número de informantes (unidades)Quantidade de animais abatidos (cabeças)Peso total das carcaças (quilogramas)Número de informantes (unidades)Quantidade de animais abatidos (cabeças)Peso total das carcaças (quilogramas)Número de informantes (unidades)Quantidade de animais abatidos (cabeças)Peso total das carcaças (quilogramas)
Brasil1 1757 409 5861 850 812 67170910 808 525938 160 1793821 413 417 0553 207 089 294
Norte
Rondônia24550 376137 840 95185 804371 36343 136 1085 870 394
Acre20108 52924 637 00348 879651 9961XX
Amazonas1865 01514 112 4031XX1XX
Roraima316 0683 799 262..................
Pará56691 533171 214 515581527 061414 022 70337 951 741
Amapá2XX..................
Tocantins16239 30360 096 1722XX2XX
Nordeste
Maranhão49184 46942 620 10333 960285 5955379 364892 283
Piauí3234 6115 556 096177 550309 45661 332 7322 635 665
Ceará6647 2009 035 5015232 2322 337 56166 038 49514 370 605
Rio Grande do Norte4621 3264 174 853162 928170 341.........
Paraíba1620 6044 814 79181 81080 18544 689 43412 421 673
Pernambuco7380 90118 507 1496020 8671 134 939413 041 48829 045 796
Alagoas1334 3798 037 402105 495367 97292844 5691 965 996
Sergipe523 0565 893 58442 917191 2074313 054635 552
Bahia32295 98971 700 5881036 4632 705 4701523 010 86652 200 894
Sudeste
Minas Gerais94582 545140 297 066851 394 598117 840 10838114 634 806240 603 774
Espírito Santo1168 49216 315 511765 0875 910 4391112 358 31532 501 197
Rio de Janeiro1138 9408 592 448714 8121 235 217159 325 97718 447 717
São Paulo53682 585187 911 60232582 59046 398 45432153 659 946378 426 987
Sul
Paraná90324 66677 922 388932 284 483199 549 92444443 596 6601 010 376 888
Santa Catarina77118 86026 594 265932 704 110239 757 54031209 833 293510 824 455
Rio Grande do Sul229549 979121 185 6581422 083 131183 612 23438202 746 401389 038 302
Centro-Oeste
Mato Grosso do Sul40800 025201 422 82612375 38434 039 247539 632 690104 784 335
Mato Grosso391 153 960310 674 4799624 58153 637 117656 070 870129 752 931
Goiás58646 922171 209 44822472 06342 413 8671183 535 819190 375 502
Distrito Federal2XX775 3494 994 300314 816 68026 770 780
Nota:
1 - Os dados divulgados são oriundos de estabelecimentos que estão sob inspeção sanitária federal, estadual ou municipal
2 - Até dezembro de 2005 os dados com menos de 4 (quatro) informantes estão desidentificados com o caracter X. A partir de janeiro de 2006 a desidentificação passou a ser feita para menos de 3 (três) informantes
3 - Os dados referentes ao ano de 2016 são RESULTADOS PRELIMINARES
Fonte: IBGE - Pesquisa Trimestral do Abate de Animais




Abate - Quantidade de animais abatidos nos últimos 4 anos, segundo o tipo de rebanho (cabeças)
Brasil
Tipo de rebanhoTrimestre
1º trimestre 20132º trimestre 20133º trimestre 20134º trimestre 20131º trimestre 20142º trimestre 20143º trimestre 20144º trimestre 20141º trimestre 20152º trimestre 20153º trimestre 20154º trimestre 20151º trimestre 20162º trimestre 20163º trimestre 20164º trimestre 2016
Bovinos
Total8 127 8088 536 7498 859 3258 888 1888 372 8728 538 9048 470 8808 525 0627 739 6507 633 0387 585 4557 693 6597 305 8857 631 9097 321 5967 409 586
Bois3 929 0044 245 4954 798 0814 994 1323 993 6914 317 6274 627 8264 780 4103 967 9264 063 1504 325 2324 571 1113 885 4484 150 0074 280 4874 336 985
Vacas3 035 6753 014 1322 742 6162 597 7033 067 4412 899 9092 561 4392 501 3052 669 4212 470 4902 164 5442 026 9692 351 1652 383 9102 100 2392 078 196
Novilhos376 268408 194574 680619 719447 977438 998561 864565 254363 654370 781497 702560 052454 638371 384358 134385 234
Novilhas786 861868 928743 948676 634863 763882 370719 751678 093738 649728 617597 977535 527614 634726 608582 736609 171
Suínos
8 812 4979 100 4449 359 8209 013 3378 804 3989 175 9799 650 5829 499 1359 177 8639 684 84610 184 52110 216 73410 194 79110 591 27810 721 33910 808 525
Frangos
1 285 500 5631 370 517 5021 381 039 4201 356 696 9481 352 159 8771 329 895 2441 405 993 1251 408 342 8871 382 706 9751 403 107 8731 503 089 6821 507 320 5601 480 424 2921 494 206 1651 472 269 0971 413 417 055
Nota:
1 - Os dados divulgados são oriundos de estabelecimentos que estão sob inspeção sanitária federal, estadual ou municipal
2 - Até dezembro de 2005 os dados com menos de 4 (quatro) informantes estão desidentificados com o caracter X. A partir de janeiro de 2006 a desidentificação passou a ser feita para menos de 3 (três) informantes
3 - Os dados referentes ao ano de 2016 são RESULTADOS PRELIMINARES
Fonte: IBGE - Pesquisa Trimestral do Abate de Animais




Símbolos especiais

Existem símbolos que representam valores especiais, como listados abaixo:

SímboloSignificado
- Zero absoluto, não resultante de um cálculo ou arredondamento.
Ex: Em determinado município não existem pessoas de 14 anos de idade sem instrução.
0 Zero resultante de um cálculo ou arredondamento.
Ex: A inflação do feijão em determinada Região Metropolitana foi 0.
Determinado município produziu 400 kg de sementes de girassol e os dados da tabela são expressos em toneladas.
X Valor inibido para não identificar o informante.
Ex: Determinado município só possui uma empresa produtora de cimento, logo o valor de sua produção deve ser inibido.
.. Valor não se aplica.
Ex: Não se pode obter o total da produção agrícola em determinado município quando os produtos agrícolas são contabilizados com unidades de medida distintas.
... Valor não disponível.
Ex: A produção de feijão em determinado município não foi pesquisada ou determinado município não existia no ano da pesquisa.
Letra A a Z (exceto X) Significa uma faixa de valores. Varia em função da tabela (se for o caso).
Ex: O nível de precisão da produção estimada de combustíveis está na faixa A (95 a 100%).